14 de maio de 2011

Mais do que um desejo, é você da uma satisfação..

Qual desse chá você quer?

Um pouco de ansiedade.
Impaciência
Uma boa doze de loucura
Ou quem saber uma ironia do destino..

E ai já fez sua escolha?
Pois eu já fiz a minha amore.
Sem falar que, não estou em casa, não estou dormindo na minha cama, e ainda fui mordida por um zangão.

Deu  até para imagina a situação de hoje..
Mais antes de dar a sua resposta gostaria de saber uma coisa.

Se você é um bom entendedor! Descubra as palavras abaixo! Cada traço é uma letra que está faltando. Ok! O resultado vai por e-mail..

a_u_entar
m_qu_áve_ic_
pro_eto_a_o
s_b_lim_nta_o
s_p_r_enie_te
trans_e_den_ali_ade
u_ular
xis_o_idade

Hum! Deixa-me ver..

Um tanque sem água tem coisa pior do que você chegar em casa e não pode toma um bom banho, você não saber o porque? lógico que você saber o porque do tanque não ter água,  na lógica deveria estar cheio  para  todos os moradores  pode consumir. (estou certa ou errada)..
 Mais em vez disso ele está vazio,  e voce é consciente do porque tudo isso está acontecendo no prédio da "paz"?. 
 Aquele vizinho do primeiro andar  que é o útimo a dormir e o primeiro acordar. e dele mesmo que estou falando.aqule sujeito que não trabalhar mais adora ficar em casa vegetando e gastando a água do prédio toda.

E ainda a criança se acha no direito de usar o aquecedor de água elétrico sozinho,  se achando  o único  ser vivo com todos direito possivel . ( a uma boa surra de gato morto)...
 As vezes fico  aqui com os meus botões me perguntando que diabos ele deve fazer com tanta água
para gastar assim.
Até porque quando chega a noite se você não  quiser  vira um porquinho  temos que toma banho com  água mineral. É quere mais?..
É para você ver que as coisas não são tão fácil como você imagina  e que nem tudo é cor de rosa.
Por incrível que pareça . Esses dias eu moro ao lado de um  vizinho assim e já dei  até umas duas bizonhada de chá nele que deu até medo.
É sem fala que tem horas que desconfio que ele vai amanhecer aqui em casa. Saber por que é um barulho infernal no AP dessa criatura.

Os meus pensamentos remete um medo chegando  imagina que as paredes e feita de gesso. Mais espero que até o fim da minha viagem de tudo certo...
Até porque moreco, eu sei muito bem o gosto que o vazio tem!
Mais querido, ai vai uma boa notícia isso tudo e um mecanismo de defesa temporário o que significa que isso tudo não vai durar muito tempo encara como um tempo que você precisa para organizar as idéias. E não precisa ser racional de mais porque isso atrapalha o nosso julgamento.

Hoje eu ia dizer tantas coisas, mais fui arrebatada pelo fluxo de emoções fora do normal.

Pois a semana foi assim de novidades que foi surgindo, do nada tanto que eu nem sei se conseguirei organizar mentalmente tudo de novo que me ocorre.

Na verdade amore hoje eu tenho um desejo não e o tanque cheio mais sim um desejo de emoção.

Você pode até vim com emoção barata, hum ? Pode!

Pode cutucar a leonina com vara curta, hum? Pode!

Mais lembra-se tem que ser aquela emoção que tampa o furo do tanque vazio que dure mais que algumas horas, que sem quere deixe a barriga em forma de borboleta e tem mais que faça suar frio.

E ai vai encara? Rsrsrsrss!!!..

Para todos um ótimo domingo, amei ser correspondida lindinho !!!.. Eu acredito que o objetivo de encaminha recados é criar uma conversa em grupo, ...

Um cheiro de sua amiga.

♥Wall Oliveira♥.




9 de maio de 2011

Minha doce viagem sem você.

Hoje me deixei viajar na minha adolescência. Voltando para o tempo da universidade onde se encontrava pessoas das quais eu julgava nunca mais encontrá-las na minha vida, mas algo havia mudado e aqui estou eu ao encontro do passado. Talvez o passado não mais me reconhecesse. Mesmo assim, depois de 12 anos longe retornei para onde tinha deixando todas aquelas lembranças da juventude.
Fui porque precisava rever tudo aquilo que um dia fez parte da minha vida.
As casas as arvorem aqueles rostos dos quais eu nunca esqueci que aparou tantas vezes a minha queda e que muitas das vezes insistia em colher somente as lembranças vermelhas do topo mágico.
Que se alimentava dos meus sonhos futuros e hoje volto com um, presente dois quais eu mesmo nem acreditava ser possível.
Simples assim, sem ter planejado nada. E vem o meu passado
Presenteando-me com um romance e lindas memórias do primeiro amor. Escrevendo iniciais em árvores, bancos públicos, pedras escaladas. Beijos cronometrados pelo relógio da torre de uma Igreja central. Mãos dadas, mãos agarradas. Com uma única seta siga as letras do nosso passado.
Serei sempre os seus olhos e seus passos a partir de hoje.  
 E lá estava eu:
Em pleno romance. Havia começado a chover quando meu passando não resistiu e deixou-se molhar. Ainda relutante, porém quase rendida, me deixei ser puxada pelo braço. É certo que não havíamos esquecido a raridade que é uma boa chuva por lá. Éramos egípcios às margens do Nilo fértil. Um brinde da natureza em formato de gotas d’água caídas diretamente no corpo, sem copos elegantes ou regras de etiqueta. Naquele momento eu era uma princesa  envolvida com o meu admirado.  Pensei quem saber um banho de bica de certo modo lavava as complexidades da vida moderna e de repente os meus pensamentos foram atropelados com pensamentos mais diretos do quais eu estava acostumada (nada dos seus questionamentos jurídicos, nada dos seus problemas de logística) Só temos que nos remete a um lugar de onde nunca deveríamos ter saído – E agora?
Qual seria a introjeção de um “minimalismo” ou um lugar das relações nascidas através de um seio maternal?
A moral da historia é bem Simples! Estou muito enrolada feito uma caixa de bombom para presente no meu próprio centro do universo.
Beijos....