20 de agosto de 2011

Hoje acordei com uma vontade de te abraçar.

O abraço é muito mais que um gesto de saudação. È uma entrega.

Mais que por qualquer outra forma de comunicação, é pelo abraço que criamos a fusão energética que pode ir munida de todos os sentimentos necessários ao equilíbrio emocional dos Seres. Nesse gesto de enlaçar, superamos todos os estágios, diferenças e patamares, tornamo-nos UM.

Devido a múltiplos preconceitos, existe ainda, em muitos de nós, uma aversão ao abraço.

No entanto, creio que a principal razão dessa aversão é a fragilidade com que nos reveste um saudável e terno abraço.

Já todos vivenciamos alguma vez como o simples calor de um abraço, esfuma as nossas armaduras, derruba as nossas muralhas.

Ou seja, o “fugir” ao abraço é apenas o receio da emersão daquela faceta de nós que com tantas máscaras ocultamos.

È um gesto terapêutico de alta eficácia, é um gesto de carinho inesquecível, é uma partilha do Um com Todos, e com o Todo.

No acto de abraçar, dois dos nossos chacras mais sensíveis como seja o cardíaco e o do plexo solar, criam um elo de comunicação com os mesmos chacras de quem abraçamos, ampliando extraordinariamente as freqüências dos mesmos. O resultado é o reequilíbrio emocional, e a expansão do amor incondicional.

Meus amigos vamos redescobrir o abraço? Sem peias, sem medos, sem embaraços.

Vamos abraçar colocando em cada abraço a essência da nossa alma, a generosidade do nosso coração, a gratidão por tudo e todos.

Façamos do nosso abraço uma extensão da nossa capacidade de amar e de doar.

E lembrem que mesmo á distancia, a energia emanada pela nossa intenção de abraçar, funciona.

Para terminar, quero apenas referir que o meu “Abraço Fechado” significa a junção plena daquilo que sou com todos e cada um, o fechar o círculo numa plenitude de entrega total.

Mas hoje me despeço com parte da citação do início deste texto.

Um forte e pleno Abraço a todos.

Admiração é o mestre admirável que nos ensina acreditar em nós mesmo .



Sabe aquele momento que a gente pensa que chegou ao limite das próprias forças e que não vai mais conseguir avançar? Quando não contemos as lágrimas (e nem devemos!) e tudo parece um grande vazio... Esse momento que, não importa a nossa idade, pensou que já é o fim... e um desânimo enorme toma conta da gente... Esse momento, ao contrário do que parece, é justamente o ponto de partida!!!

Se chegamos a um estado em que não avançamos mais, é que devemos provavelmente tomar uma outra direção. Quando chegamos a esse ponto de tal insatisfação é sinal de que alguma coisa deve ser feita. Não espere que os outros construam pra você, planeje e faça! Você é responsável pelos próprios sonhos e pela realização destes. Nas obras da vida não precisamos de arquitetos para planejar por nós.

Com um pouco de imaginação e um muito de boa vontade podemos reconstruir sozinhos a casa que vamos morar e o futuro que nos oferecemos. É humano se sentir fragilizado, e é necessário para que tenhamos consciência que não somos infalíveis, não somos super-heróis, mas seria desumano parar por aí, e injusto, para os outros, mas principalmente para nós mesmos. Recomeçar é a palavra!

Recomeçar cada vez, a cada queda, a cada fim de uma estrada! Insistir!... Se alguém te feriu, cure-se! Se te derrubaram, levante-se! Se te odeiam, ame! Erga-se! Erga a cabeça! Olhando pra baixo só podemos ver os próprios pés. É preciso olhar pra frente. Plante uma árvore, faça um gesto gentil,
tenha um atitude positiva.

É sempre possível fazer alguma coisa! Não culpe os outros pelas próprias desilusões, pelos próprios fracassos. Se somos nossos próprios donos para as nossas vitórias, por que não sermos para as nossas derrotas? Onde errou, não erre mais! Onde caiu, não caia mais! Se você já passou por determinado caminho, deve ter aprendido a evitar certas armadilhas. Então, siga! Não se esqueça de uma grande promessa feita:

Esforça-te e eu te ajudarei. Dê o primeiro passo... Depois caminhe!!! Tenho certeza que a felicidade não mora ao seu lado, nem à sua frente, ela está junto de você!


Uma ótima noite!!!...

                                       

16 de agosto de 2011

Com todos os sintomas de gripe..

Poxa na última sexta feira eu e alguns colegas do curso fomos ao memorial de Irma Dulce. Foi tão legal. Só que na volta pra casa caiu o maior pé d/água chequei em casa toda molhada o resultado disso: (gripe na certa). Hoje fui trabalhar pela manhã na marra pense em alguém que estava amarrada na cama sem quere sair por nada, pois bem era eu sim. Também não e pra menos senti calafrios a noite inteira, e tive um pouco de febre e muita dor de garganta. Cefaléia nem menciono mais ultimamente ela esta fazendo parte da minha vida. Todos os sintomas de uma “boa” gripe.

Querendo ou não estou um pouco preocupada, pois sei que se eu não melhorar não poderei participa do campeonato de Taekwondo,

Que vai ser realizado nesse fim de semana, tá pensando que para por ai que nada na sexta feira ainda tenho prova e pela primeira vez na minha vida estou com medo de não ter um bom desempenho.

Ainda bem que tenho mais 2 dias para me recuperar!!

AMORES ME DESEJEM SORTE...

Vou passar uma receita caseira que meus amigos insistiram em dizer que eu ia me recuperar rapidinho. Não custa nada tenta faze, até porque tudo vale à pena para evitar a gripe até injeção na testa rsrsrs.. Eu odeio fica doente tem coisa mais chata que isso?....

Receita caseira

1- xícara de açúcar caramelizada

2- xícara de água.

3- pedaços pequenos de gengibres.

Ferve tudo junto.

Depois apaga o fogo e coloca caldo de 1 limão e caldo de 2 laranjas.

Tomar durante o dia.

Se acaso tiver com tosse, aqui vai outra receita caseira:

Xarope caseiro de coca-cola

1- garrafa pequena de coca-cola

9- colheres rasas de açúcar

1- punhado de cravo-da-índia

1- punhado de canela em pau.

Colocar tudo numa panela levar ao fogo, antes de levantar fervura, desligar, e vai tomando igual xarope normal de 4 a 5 vezes ao dia.

Um ótimo dia a todos...