25 de maio de 2012

Sei, sei, sei. Vergonha é não valorizar quem daria a vida por você !


Tem dia que estamos tão melancólicos não é mesmo? É hoje essa sua amiga aqui está justamente assim no (trampo) com uma natureza melancólica. E você amiguinho F só consegui- o irrita 1% dos meus neurônios. Vai ter que melhorar essa sua cota e pratica mais.

Depois de muito meditar e sorrir bastante com alguns vídeos no You Tube para passar o tempo de uma madrugada fria e bem estressante.

Decidir escrever sobre um assunto que sempre chamou minha atenção que é os dois tipos de amores que mais me atrai. Amar alguém distante é muito complicado e ao mesmo tempo é tudo de bom.


O amor do tipo tênis e o amor do tipo frescobol.
Pois o amor do tipo tênis sempre é uma fonte de raiva e ressentimento e terminam muito mal.

O do tipo frescobol é raro sua fonte é exatamente oposta sua alegria é radiante e tem 99% de ter uma vida longa. Aconchega-se aqui no meu ninho.

Eu sei que você vai me escrever dizendo que não compreendeu nada de nadinha Mais às vezes as coisas são feitas para ser sentida e não compreendida. Podemos ate brigar pela manhã, mais a noite temos que fazer as pazes.

O desafio de compreender e ser compreendido. Ninguém amar a indiferença Por que ás vezes temos que propor um mesmo caminha para entender a temática surreal. o amor é uma busca.

Até porque tudo é transitório, mas nas relações que desafiam o tempo são aquelas construídas sobre a arte de conversar. Você seria capaz mesmo de largar tudo com prazer?

Às vezes temos que calar e escutar as palavras como se fosse uma música porque é através delas que ressuscita a magia das palavras. Como também há os carinhos que se fazem com o corpo e há os carinhos que se fazem com as palavras. Ou escolhe fazer os sons das palavras. sob a forma da eternidade.

Porque acredito que é na conversa verdadeira que mostramos a nudez do nosso corpo não em sua nudez anatômica, mas a nudez poética através do sexo com as palavras por que, Foto não que dizer nada. Erótica é a alma.

Nada está sendo fácil o exercício e o resultado de uma análise, por si só intrinsecamente incompleta, pois não há como dar conta de todos os significados e interações que ocorrem no cotidiano dessa ou de qualquer outra pessoa.

Até porque isso é um péssimo hábito que você tem de por a carroça na frente do boi.

E como no tênis por mais que o jogador tenha boa vontade o jogo e feroz é desumano. E seu objetivo é derrotar o adversário. Sua derrota se revela no seu erro.

O bom jogador é aquele que tem a exata noção do ponto fraco do seu adversário, e é justamente aí que ele vai dirigir a sua cortada. Se não é incapaz de joga a bola como vai fazer o outro erra?. As palavras sugestivas indica objetivo sádico dando ao adversário o direito dele cortar, interromper e derrotar num passo de mágica.

O prazer no tênis se encontra, justamente no momento em que o jogo não pode mais continuar porque o adversário foi colocado fora de jogo. E sempre termina com a alegria de um e a tristeza de outro. E isso que você que?. No entanto reconheço que foi um mergulho intenso que rendeu até uma má traçada linhas em um diário de campo com descrições densas e significativas. Porque tudo o que vemos na vida diária sofre mais ou menos uma deformação produzida pelos hábitos adquiridos. Minha indiferença.

O esforço é necessário para o amor e exige uma espécie de coragem que é indispensável. Anotar e indagar faz parte também do pacote. pois admiro como se fosse à minha primeira vez. Porque o significado das ações não tem sua importância para o que esta sendo transmitido.

E como o frescobol parece com o tênis mais não é. Até porque são dois jogadores, e duas raquetes e uma bola. Só que, para o jogo ser bom, é preciso que nenhum dos dois perca. Quem é que nunca quis sentir um dia de princesa ou príncipe, mesmo aquele príncipe torto querendo vira um sapo?. Macunaíma foi a minha paixão de adolescência. Aos treze anos, eu não poderia imaginar que um livro com uma escrita tão complicada fosse me envolver tanto.

Na realidade, o que vi nesta bela obra foi à descrição clara e contundente da vida de muitas pessoas simples e lutadoras.

É nesses passos que esta as diferenças da bola às vezes vem torta para o jogado e agente sabe que não foi de propósito e procuramos fazer o esforço para devolve no lugar certo para que o outro possa pegá-la, Não existe adversário porque não há ninguém a ser derrotado. Ninguém fica feliz quando o outro erra. Porque o erro no frescobol é como ejaculação precoce um acidente lamentável que não deveria ter acontecido, pois o gostoso mesmo é a espera do ir e vir.

Mas não tem importância começa de novo este delicioso jogo em que ninguém marca pontos. ela tem a delicadeza de uma asa de borboleta. Todos nós temos nossas bolas de sonhos, fantasias, irrealidades sob a forma de palavras que fica batendo sonho pra lá, sonho pra cá. vem pra cá. E igual quando escutamos uma música imediatamente identificamos aquele som que saber por que isso acontecer? Porque sua beleza está no jardim de entrada mesmo que a pessoa seja um bobão ela não vai poder sentir imediatamente a nova experiência proporcionada igualmente.

Porque do meu herói eu herdei o gosto pela palavra o prazer em criar mundos pela escrita e pela fala. Eu vou fazer meu exercício de palpites. Talvez você tenha compreendido que no mundo civilizado é possível ter reverência pelo próximo e que cada quão é grandioso e que o amor acende a lua.

Um lindo dia amorés!!!